Usina de etanol de milho da empresa FS, com unidades em Mato Grosso, capta mais US$ 50 mi com emissão de títulos verdes

A FS, usina de etanol, com unidades no estado de Mato Grosso, que utiliza milho em 100% da produção, informou ter realizado captação complementar com a emissão de títulos verdes no valor de US$ 50 milhões. O financiamento será utilizado para refinanciamento de capital de giro da companhia. As novas notas foram oferecidas como uma emissão adicional aos títulos verdes captados em 15 de dezembro de 2020, no valor de US$ 550 milhões.
A oferta, coordenada pelo Banco Morgan Stanley, teve demanda de quase seis vezes o valor pretendido, segundo a empresa. Os títulos foram precificados acima do par (cotação maior do que o valor nominal) e têm vencimento em 5 anos da data da emissão original.A empresa também captou R$ 530 milhões em emissões verdes no Brasil junto a duas instituições financeiras – Santander e Credit Suisse.
Segundo a FS, as metas de sustentabilidade são se manter no ranking das top 10 de etanol anidro do RenovaBio, aumentar a transparência da divulgação de informações, por meio da obtenção do selo GRI – Global Reporting Initiative no seu relatório de sustentabilidade, e a certificação da emissão com base nos padrões do CBI – Climate Bonds Initiative.
Em Mato Grosso
A FS tem duas plantas, uma Lucas do Rio Verde e outra em Sorriso, ambas em Mato Grosso. A unidade de Lucas, inaugurada em 2017, tem capacidade de produção de cerca de 530 milhões de litros de etanol/ano. A fábrica de Sorriso, que teve a primeira fase concluída em fevereiro de 2020, tem capacidade atual para produzir em torno de 530 milhões de litros de etanol/ano, mas obras de expansão devem aumentá-la para 800 milhões de litros de etanol/ano.
(Informações IstoÉ Dinheiro e Estadão)