Parte 2: Plantio da soja safra 2019/2020 está atrasada em 24,67%

Na segunda semana do mês de novembro deu-se continuidade ao acompanhamento do plantio da soja safra 2019/2020. A situação nas lavouras do estado acompanhadas pela Famasul nos dias dia 11 a 15/11, com o clima favorável para o plantio, os produtores aproveitaram para dar continuidade ao plantio.

A previsão do tempo para esta semana de novembro foi de baixos volumes de chuva, entretanto na última semana do mês de novembro, a previsão do tempo volta a ser favorável, apresentando volume de chuva significativo em todo estado.

No gráfico ao lado, pode ser verificada a evolução do plantio da soja, nas regiões sul, centro e norte do estado, conforme consultas aos Sindicatos Rurais e/ou empresas de assistências técnicas dos municípios, além das informações obtidas em
campo. Com base nas informações levantadas, observa-se que na data de 15/11/2019, a área plantada de soja acompanhada pelo Projeto SIGA MS alcançou 73,4%.

A região centro está com o plantio mais avançado, em média 77,2%, enquanto a região norte está com 72,5% e a região sul com 72,4% de média. A área plantada até o momento, conforme estimativa do Projeto SIGA, é de aproximadamente 2,322 milhões de hectares.

A porcentagem de área plantada na safra 2019/2020, encontra-se inferior em  aproximadamente 24,67%, em relação à safra 2018/2019, para a data de 15 de
novembro.

A evolução, nos últimos dez dias, foi de aproximadamente 13,1% para o estado,
ou seja, 414.426 hectares foram plantados neste período.

Em comparação aos dados da safra anterior (2018/2019), estima-se até o
momento, aumento de área plantada em aproximadamente 6,18%, passando de 2,979
milhões para 3,163 milhões de hectares. Para tanto, é esperado um aumento de 12,57%
em relação à expectativa do volume de produção de grãos (de 8,800 milhões de
toneladas na safra 2018/2019 para 9,906 milhões de toneladas na safra 2019/2020). A
produtividade para a próxima safra está estimada em 52,19 sc/ha.