Mãe reconhece corpo de filho achado sem cabeça

Sérgio Gimenez, de 28 anos, ficou três dias desaparecido até que foi encontrado morto em trilha

A Polícia Civil de Tacuru, cidade a 427 km da Capital, identificou como Sérgio Gimenez, de 28 anos, o homem encontrado morto sem a cabeça, em uma trilha do município. Através de um machado, que foi encontrado próximo ao corpo de Sérgio, a polícia afirma já ter também a identificação do suspeito de assassinato e a motivação do crime, mas não divulgou nenhum detalhe.

O corpo de Sérgio foi achado, em avançado estado de putrefação, na noite de sábado (20) por um jovem que tomava banho em riacho próximo ao local que o corpo foi abandonado. De acordo com o site A Gazeta News, quem identificou o homem foi a própria mãe, que ainda disse que o filho estava desaparecido desde quarta-feira (17), quando saiu de casa e não foi mais visto.

A mãe da vítima reconheceu o corpo através de características físicas e de uma tatuagem com o nome “Bianca”, em um dos braços de Sérgio. Ele foi encontrado usando apenas uma calça jeans preta e sem nenhuma documentação. Próximo ao corpo foi achado um machado, que pode ter sido utilizado na decapitação de Sérgio. A cabeça da vítima ainda não foi encontrada.

LEIA MAIS – Sem cabeça, corpo é encontrado jogado em trilha ecológica

Curta o  Jornal Maracaju Hoje no Facebook . Tem uma imagem, reportagem bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: [email protected] ou no Repórter Por Um Dia através do WhatsApp do Repórter Por Um  Dia JMH (67) 67984061043.

 

Acesse e curta nossas páginas:

https://www.facebook.com/radiocidade104.3

https://www.facebook.com/maracaju.hoje

https://www.instagram.com/radiocidade104.3/

https://www.instagram.com/maracaju.hoje/

http://cidade104fm.com.br/