Fundação de Cultura realiza apresentações de encerramento de ano de oficinas sociais

Com um público que lotou a Praça Central, e, saiu satisfeito com todas as apresentações que assistiu, foi assim as apresentações das oficinas da Fundação de Cultura no encerramento das atividades 2018. O evento foi na noite deste dia 30, e contou com a presença de amigos, parentes, convidados e familiares, público presente na grande festa.
Balé, violão, violino, flauta doce, bateria e coral, são essas as oficinas oferecidas de forma gratuita pela Fundação de Cultura, em Maracaju e Vista Alegre e atende crianças a partir dos 5 anos, adolescentes e jovens. Todas as oficinas são no contra turno escolar, oportunizando a todos os interessados a aprender com profissionais capacitados.
Foram duas horas de apresentação que segurou o público presente, pela qualidade do espetáculo.
A presidente da Fundação de Cultura Eni Aquino disse que o momento era de agradecer, a administração pela oportunidade de exercer o cargo, os colaboradores de sua pasta , a os pais por acreditar do projeto, os alunos pelo empenho e professores pela dedicação. ” Fechamos com chave de ouro e espero que em 2019, a gente continue com a mesma garra e determinação”, disse Eni.
A Primeira dama Leila Gonçalves Azambuja, madrinha do projeto, disse que a semente plantada hoje, o resultado será de um amanhã melhor na vida dessas crianças e de seus familiares. A maioria não teria a condição de frequentar uma escola particular para aprender certos instrumentos ou balé, esse olhar diferente da administração em oportunizar a todos está fazendo a diferença na vida de centenas de crianças e família, esse é o melhor fruto colhido”, disse Leila.

Assessoria de imprensa da Prefeitura de Maracaju