Em menos de 30 minutos, chuva deixa carros e cinco pessoas ilhadas em Campo Grande

(Foto: Minamar Jr/Midiamax)

A chuva que caiu sobre Campo Grande, na tarde deste sábado (26), amenizou o ‘calorão’ dos últimos dias, mas causou sufoco em duas famílias. Em curto intervalo de tempo, dois carros ficaram ilhados e passageiros desesperados, tamanha força da água, próximo à avenida Consul Assaf Trad, região norte de Campo Grande.

A força da correnteza que se formou na avenida aterrorizou e deixou isolados três ocupantes de um Corsa. No veículo haviam duas crianças e um adulto, que só conseguiram deixar o local com ajuda do Corpo de Bombeiros, que teve que usar cabo de aço para remover o veículo.

Bombeiros disseram que a água batia tão forte que o carro chegou a flutuar na avenida, mesmo com o peso dos passageiros, que ficaram retidos por cerca de 40 minutos. Próximo dali, a situação se repetiu, desta vez com um casal.

Sem asfalto, eles passavam pela rua Bertolino Cândido, em trecho que dá acesso à Consul Assaf Trad, quando o carro caiu numa valeta, deixando o casal preso, enquanto a água subia. Assim como no primeiro caso, foi necessário uso de cabo de aço no resgate.

Maxuel Ferreira da Silva, morador de Terenos, distante 31 km da Capital, conta que passou pelo mesmo local minutos antes, sem correr nenhum risco. Ele seguia rumo ao Shopping Bosque dos Ipês, acompanhado da esposa, Elisangela Aparecida Marques, 41 anos, buscar os filhos no cinema.

Quando descia rua, no entanto, a 10 metros da avenida, localizada na saída para Cuiabá, viu o veículo ser arrastado pela correnteza, até que ficou atolado na valeta. Ele conta que tentou manter a calma e sair, mas não consegui e acionou o resgate. O casal ficou por cerca de 30 minutos.

“A gente estava indo buscar as crianças no shopping porque já tinha acabado o filme e, infelizmente, aconteceu isso aqui. O prejuízo é o de menos, o que importa é que estamos seguros”, conta Maxuel que, apesar do suto inicial, estava tranquilo quando falou com a reportagem. Com o impacto, o veículo da família ficou com o para-choque quebrado.

Fonte: Midiamax